Avançar para o conteúdo

REFORMA EM PORTUGAL

REFORMA EM PORTUGAL: UM QUADRO FISCAL COMPLEXO

As regras dependem do tipo de rendimento, da existência de acordos com o país de residência e da situação pessoal do reformado.

Passar a sua reforma em Portugal tem sido muito popular nos últimos anos. Estima-se que cerca de 1,3 milhões de franceses se reformam em Portugal. A ideia principal é, normalmente, regressar ao país de origem. Mas a fiscalidade também pode ser um argumento. Alguns países, como Portugal, oferecem aos reformados franceses um ambiente de vida extremamente atrativo.

Não há obstáculos ao pagamento da sua pensão

Qualquer pessoa que receba uma pensão de reforma pode recebê-la independentemente do seu país de residência. Neste aspeto, não existem grandes obstáculos a uma nova vida em Portugal.

O único requisito é que todos os anos forneça um certificado de vida emitido pelas autoridades do país de residência.

Estatuto de residente

Para ser elegível para tributação no país de acolhimento, é necessário ser residente nesse país para efeitos fiscais. Só então podem ser aplicadas as convenções fiscais. A solução consiste em residir no país durante mais de metade do ano. No entanto, a jurisprudência exige também que se disponha de centros de interesse no país de acolhimento. A investimento no país também oferece segurança adicional.

Tributação da sua pensão em Portugal

É aqui que as coisas se complicam, porque tudo depende do país de destino. Se não existir uma convenção com a França, as pensões são tributáveis em França com retenção na fonte (e eventualmente no país de acolhimento). Pode ter a certeza de que não é esse o caso em Portugal.

Em 2009, Portugal introduziu o estatuto de residente não habitual. Este regime permite aos reformados de França ou de outro país beneficiar de uma isenção sobre as suas pensões durante um período de 10 anos. Uma das condições para beneficiar desta vantagem é ser titular de uma pensão do sector privado.

Mas cuidado: As pensões privadas, como os seguros de vida, são tributadas no país de residência. Em contrapartida, as pensões do sector público continuam a ser tributáveis em França (exceto em certos países, se o pensionista for igualmente nacional do país de residência).

Passar a reforma em Portugal - como serão tributados os seus rendimentos?

Evidentemente, nem todos os rendimentos beneficiam de vantagens fiscais. Se um reformado em Portugal continuar a receber outros rendimentos em França, como por exemplo rendimentos prediais, estes rendimentos continuarão a ser tributáveis em França.

As suas contribuições para a segurança social

Os pensionistas que vivem no estrangeiro estão isentos de CSG, CRDS e Casa.

Contribuições para a saúde

Para os reformados residentes na UE ou na Suíça, a regra é simples. É descontada na fonte uma quotização sobre a pensão francesa (3,21 PT3T para a pensão de base privada, 4,21 PT3T para as pensões complementares e 7,11 PT3T para os regimes dos trabalhadores independentes). Os reformados ficam então vinculados ao regime do seu país de residência (no âmbito de convenções) e podem também regressar a França para tratamento.

Atenção: O artigo 52.º do PLFSS 2019 altera as regras de cobertura de saúde dos reformados não residentes. A partir de agora, terão de poder comprovar 15 anos de seguro em França. Assim, poderão beneficiar de uma cobertura de saúde para tratamentos inesperados ou programados quando regressarem a França.

Uma escolha cuidadosamente ponderada

Passar a sua reforma em Portugal não deve ser considerado de ânimo leve. O enquadramento fiscal atrativo do país pode ser uma vantagem, mas os candidatos a exilados têm de verificar se reúnem todas as condições para beneficiar do mesmo. É igualmente importante não descurar outros aspectos como a segurança social.

Para evitar surpresas desagradáveis, é melhor preparar cuidadosamente a sua candidatura, não hesite em contactar os nossos especialistas em fiscalidade. Juntos podemos estudo o seu projeto.

1 comentário em “PASSER SA RETRAITE AU PORTUGAL”

  1. Pingback: FALSA AGÊNCIA IMOBILIÁRIA EM PORTUGAL, O FRANCÊS 1º RESPONSÁVEL | VIVRE AU PORTUGAL CONSULTING

Os comentários estão fechados.

VAP Consulting

Os nossos consultores estão à sua disposição

Olá e bem-vindo à VAP Consulting. A nossa equipa terá todo o gosto em responder a quaisquer questões que possa ter.

Alimentado por WpChatPlugins
pt_PT