Avançar para o conteúdo

Os melhores países para comprar uma segunda casa

Sonha em comprar uma segunda casa no estrangeiro para poder passar lá todas as suas férias? Eis uma panorâmica dos melhores países ensolarados para investir sem gastar muito.

Os países da União Europeia

Para que o seu investimento seja bem sucedido, não se esqueça de ter em conta todos os aspectos práticos, jurídicos, financeiros e fiscais. Deste ponto de vista, estes 4 países da UE são particularmente vantajosos:

  • Espanha ee Portugal são dois países imperdíveis. Combinam a proximidade geográfica, um clima ameno e a liberdade de ir e vir. A oferta de segunda habitação é muito variada: desde apartamentos no coração de uma metrópole vibrante a moradias junto ao mar, encontrará certamente o estilo que mais lhe convém.
  • A pequena ilha de Malta é igualmente atractiva pelo seu clima ameno durante todo o ano e pela sua diversidade cultural. Os proprietários de uma segunda habitação beneficiam de um custo de vida mais baixo do que em França, com uma proximidade geográfica que torna Malta acessível nas melhores condições.
  • A Bulgária tem várias estâncias balneares que estão a atrair um número crescente de residentes estrangeiros que vêm desfrutar do mar, do clima e da simpatia dos habitantes locais.

O exotismo de uma segunda casa

Está pronto para se deixar tentar por destinos mais exóticos? Se tomar todas as precauções habituais relativamente às barreiras culturais e aos constrangimentos legais de cada país, existem várias oportunidades para comprar uma segunda casa:

  • Marrocos oferece proximidade geográfica combinada com uma completa mudança de cenário. Com excelentes ligações aéreas, este país francófono é o destino preferido de muitos franceses que procuram uma segunda residência. Podem tirar partido do clima ameno, de um custo de vida que é metade do de França e, para alguns, até de benefícios fiscais.
  • A Tailândia é também um país atrativo em muitos aspectos. O mercado imobiliário para segunda habitação está a crescer, mas continua a ser barato para os padrões franceses.

Sugestões e truques

Depois de ter comprado a sua segunda casa no estrangeiro, porque não considere a possibilidade de a transformar na sua residência durante todo o ano ? De acordo com os últimos dados oficiais, mais de 1,3 milhões de reformados franceses já se mudaram. O seu número duplicou em 5 anos, com um forte aumento das expatriações para os países do sul da União Europeia.

Por isso, não hesite mais e deixe-nos ajudá-lo a encontrar o seu futuro imóvel.

Fonte

VAP Consulting

Os nossos consultores estão à sua disposição

Olá e bem-vindo à VAP Consulting. A nossa equipa terá todo o gosto em responder a quaisquer questões que possa ter.

Alimentado por WpChatPlugins
pt_PT