Avançar para o conteúdo

OS FRANCESES RESPONSÁVEIS PELO AUMENTO DO SECTOR IMOBILIÁRIO

PORTUGUESES VÍTIMAS DO FLASH IMOBILIÁRIO

Cada vez mais franceses são investir num imóvel em Portugal. Um semanário deu recentemente o alarme com este título chocante. Os milionários franceses estão a comprar Portugal.

O imobiliário, uma paixão muito, muito francesa. Os franceses adoram o imobiliário. De facto, é o seu investimento número 1. Esta atração explica, em parte, a subida em flecha dos preços do imobiliário nos últimos anos. Este fenómeno foi acentuado pelas taxas de juro muito baixas, que permitem endividar-se mais barato.

São cada vez mais os nossos compatriotas que investem em Portugal. No início de fevereiro, o jornal Visão estava a dar o alarme com esta frase chocante. Milionários franceses compram Portugal. Sejamos honestos, esta afirmação é deliberadamente provocatória e não reflecte de modo algum a realidade. Os franceses estão longe de ser os únicos responsáveis pelo crescimento do mercado imobiliário em Portugal.

O preço de um m² em Lisboa ou no Porto, próximo do de Lyon ou de Marselha

Para além do estilo de vida descontraído e do sol garantido que Portugal tem para oferecer, os preços dos imóveis têm estado muito próximos dos de algumas das principais cidades francesas nos últimos 3 anos. Atualmente, um ruína localizado no coração do centro histórico do Porto custa entre 4 000,00 e 5 000,00 euros por m². Para um apartamento de 85 m² em Lisboa, o preço por m² é varia entre 3.500,00 e 5000,00€ consoante a zona, a oferta de serviços, etc.

Apesar disso, Portugal é um dos mercados mais atractivos da Europa, continuando a atrair um vasto leque de nacionalidades. No ano passado, os compradores estrangeiros foram responsáveis por 57% das transacções realizadas por esta estrutura. Os franceses estão no top 3, juntamente com os brasileiros e os chineses.

E quanto aos alugueres

Os preços de aluguer também subiram acentuadamente no início de 2019: por exemplo, um apartamento com um quarto não muito longe da Avenida da Boavista, no Porto, é alugado por entre 1.200,00 e 1.400,00 euros. Isto não significa, no entanto, que ofereçam serviços de qualidade ou mesmo aquecimento. No entanto, ainda é possível encontrar imóveis por menos de €1.000,00. Por outro lado, não precisa de contar com serviços de qualidade, nem mesmo de estar localizado numa zona agradável. 

O mercado continuará a evoluir

Nos primeiros três trimestres de 2018, foram vendidos mais de 132 mil imóveis em Portugal, dos quais 47 mil só na região de Lisboa. Este aumento anual de 22%, de acordo com dados do Instituto Nacional de Estatística, gerou um volume de transacções de 17,9 mil milhões de euros, mais 30% do que no mesmo período de 2017.

Esta tendência não está prestes a inverter-se. A quota-parte dos investidores estrangeiros poderá aumentar ainda mais, passando de 5% para 10% em 2019, o que provocará uma subida dos preços de 12% para 20%. A Câmara de Comércio e Indústria Franco-Portuguesa estima em 50.000 o número de franceses expatriados em Portugal.


Descubra o nosso livro dedicado ao investimento imobiliário em Portugal

IMÓVEIS EM PORTUGAL

VAP Consulting

Os nossos consultores estão à sua disposição

Olá e bem-vindo à VAP Consulting. A nossa equipa terá todo o gosto em responder a quaisquer questões que possa ter.

Alimentado por WpChatPlugins
pt_PT